terça-feira, 23 de julho de 2013

Um conceito de negócio à moda antiga

-Em 2008, depois de alguns avanços e recuos, tomei uma decisão de efectuar uma experiência, de criar o meu próprio part-time.

A motivação de fazer algum dinheiro extra, sem que tivesse de efectuar um grande investimento, era sedutor, talvez até utópico, mas só havia uma forma de saber, experimentar.

Feitas as primeiras pesquisas, descobri o meu espaço de actuação, tracei os meus objectivos e coloquei mãos à obra. Investimento inicial 500€, mais um computador de secretária, abertura de actividade nas finanças, um software de facturação gratuito e alguma publicidade "boca a boca".

Num anexo de 7m2, algumas prateleiras e uma bancada de trabalho, começaram a surgir os primeiros clientes.

Em 2010 já o espaço era curto, mas com algum esforço, contenção de custos era fundamental, todo stock era adquirido a pronto pagamento, pelo que havia de realizar capital para reinvestir e aumentar o stock. Apenas possível visto se tratar de um part-time, nesta altura já os iniciais 500€, se tinham transformado numa existência física de 3000€.

O passo seguinte:
Em 2010, devido a um problema de saúde, vi-me impossibilitado de exercer a minha actividade por 3 meses (Entre Janeiro e Março). Apenas o que era possivel ser feito online, continuou a ser executado, toda a restante actividade de reparação parou completamente.
O regresso foi quase como um novo começo, mas agora já havia um histórico e foi relativamente fácil retomar.
Até 2013 o crescimento implicou a mudar de ares, diversificar e apostar em novos produtos....

Este é um resumo de um capítulo do ebook que estou escrevendo, para dar aquele empurrão, a muitas pessoas com soluções para criar o seu próprio trabalho, faltando apenas, aquele incentivo, de alguém que já trilhou esse caminho.

Existem muitos desempregados, mas por incrível que pareça, desde 12 de Julho até hoje, não foi possível preencher uma dezena de vagas para um part time, num negócio altamente lucrativo, sem investimento inicial, com flexibilidade de horário e ideal para quem se encontra desempregado, ou tem tempo livre e gosta de objectivos. Basta ser dinâmico(a), querer trabalhar e ganhar comissões por vendas efectuadas com margens de lucro de 27% a 50%. Faça a sua pré-inscrição AQUI.


sábado, 13 de julho de 2013

Guias de Transporte [Procedimentos]

-Nestes dias, uma enorme preocupação trespassa muitos pequenos e médios empresários, devido à obrifatoriedade de comunicação das Guias de Transporte à Autoridade Tributária.

Como sempre, os clientes que utilizam a solução SoftManagement, com contrato de actualização válido, receberam em tempo útil, de forma automática, a solução para o envio, quer através de ficheiro (Procedimentos SAFT), quer em tempo real através da própria aplicação.

Para quem tem o software de facturação SoftManagement, já havia publicado no meu website o respectivo manual sobre os procedimentos a ter com as guias de transporte.
Este manual nalguns pontos, é também útil a outros softwares do género, já que engloba, o envio manual e o envio em tempo real no portal da AT.

Como sempre estou disponível para dar o meu apoio, deixe comentário neste artigo e dentro do possível será esclarecido.

Clique na imagem abaixo para ampliar
Manual Guias no SoftManagement
Se o seu browser não suporta a aplicação acima e não consegue por isso visualizá-la pode fazê-lo através do link seguinte:
http://www.youblisher.com/p/666373-Manual-Guias-no-SoftManagement/



Para adquirir este software, instalar e receber formação na sua utilização, contacte-me!




Pesquisar no blog e na WEB

Artigos em foco

santamariaazores.net

Online